terça-feira, 14 de julho de 2009

Deixem-me Viver...



*******************************

Não me digam por onde ir
Eu quero seguir o meu caminho
Viver a minha Vida
Pouco me importa o tempo
Só insisto em viver
Não me incomoda o que digam
Que gostem ou critiquem, é-me indiferente
Tracei os meus objectivos com precisão
Quero concretizá-los no tempo
Apesar de não saber se o terei
Quando nasci desconhecia o que queria
Mas também não sabia o que a Vida me daria
Agora sinto-me maduro, mas cansado
Tenho ideias, tracei planos, construi sonhos
Apesar dos inúmeros planos que tracei
Muitos sonhos esboroaram como castelos na areia
Mas nada disso me impede de viver
De lutar por um ideal que em mim albergo
Que me consome de noite e de dia
Que me há-de debilitar e talvez matar
Mas não quero que me digam qual o caminho
Mesmo que de pétalas pejado
Prefiro mil vezes seguir descalço e com cajado
Sentir os pés a sangrar e ter que me arrastar
Sofrer a fome atroz de um despojado
Nada disso impedirá que eu viva a Vida
Aquela Vida que sentiu um grande amor
Que o recebeu com alegria e em festa
Mas que quase agonizou quando o perdeu
Deixem-me viver essa Vida
Que de mim se apartou sem eu saber como
Não sinto saudade por recordá-lo
Apenas quero voltar a vivê-lo


*****************************
Postagem integrada na Tertúlia Virtual. Sendo a última tertúlia, dedico este poema a todos os habituais
participantes. A rosa é a simbologia do que mais puro e sublime existe à face da Terra: o amor. Que cada um de vós alcance o seu, são as minhas premissas.

29 comentários:

Chica disse...

Que linda participação com esse poema e linda dedicatória! Foram muito legais essas Tertúlias,não?Pena que acabou!um abraço e vamos continuar nos vendo, não?chica

Úrsula Avner disse...

Caro autor,nostalgia e palavras de amor em versos sensíveis. Um abraço com carinho.

Teresa disse...

Belo poema para terminar uma bela iniciativa. Parabéns.

Luis Bento disse...

A aventura de viver expressa na beleza de um poema alinhado em palvras doces com esmero

Compondo o olhar ... disse...

linda sua postagem... pena que terminou as tertulias...
vamos torcer p que eles estejam com m novo projeto em mente, pois os nossos dias 15 agora serão totalmente sem graça....

bjocas mil

tbm participo

Eduardo P.L disse...

Eduardo,

obrigado por mais esta participação na Tertúlia! Foi sempre um prazer e uma grande honra contar com seus posts! Outras brincadeiras virão e esperamos possamos continuar contando, ainda que com seu tempo administrado!

Forte abraço

Christi... disse...

Recebi sua rosa com carinho.

Beijos,

Francisco Castelo Branco disse...

Muito bom poema

Bastante Interessante

PARABENS

Vida e Amor são duas palavras que aprecio bastante

Juliêta Barbosa disse...

Eduardo,

Se eu pudesse escolher uma só frase, entre tantas de tão pungente e belo texto, escolheria essa: "Não me digam por onde ir
Eu quero seguir o meu caminho."

Ah, meu amigo, quão difícil é termos o nosso direito de ir e vir respeitados. E como é salutar, descobrir o nosso caminho sem as amarras que nos impõe os outros. bjs

Nely disse...

Obrigado pela rosa e por todos os momentos bons que vivi na Tertúlia.
Que a introspecção latente no poema o leve a uma nova e brilhante ideia em que todos possamos participar...

Beijo com perfume de Rosa (mesmo) caída e...Arrepio na pele.
Até breve....

Serena Flor disse...

Amei sua participação nesta derradeira tertúlia meu querido!
O poema, a dedicatória e a rosa...tudo muito lindo!
Um grande beijo!

sonia a. mascaro disse...

Eduardo, uma bonita poesia em homenagem à Tertúlia!

Gostei também de conhecer o seu espaço. Muito obrigada pelas suas gentis palavras no meu blog.
Um abraço.

PS: Convido-o também para conhecer o meu blog mais antigo, Leaves of Grass.

Maria Augusta disse...

Belíssimo e muito verdadeiro este poema em homenagem à Tertúlia...que termina, mas a vida contnua, como diz teu poema.
Obrigada pela rosa e um grande abraço.

Rosemari disse...

Eduardo

Lindo texto e ainda simbolizado por uma rosa ficou ainda mais belo.

Mírian Mondon disse...

Belo poema fruto de um coraçao sensivel e honesto!
Amei sua participação poética, no melhor estilo Eduardo Santos!
Parabens

Espero voce para um café!

Nely disse...

Obrigado pelas palavras carinhosas que deixou no Arrepio na pele (Blog pouco secreto) onde deixo voar a alma e a sensualidade vivida e por realizar, sempre!
Será sempre bem vindo e o receberei com um...Arrepio na pele (de prazer).

Deusa disse...

olaaa...

toc toc toc..
Vim aqui te visitar ! rs

Recepcionada por Handel .....que maravilha ....

Bela musica bela poesia ...vou voltar sempre !..

Abraço apertado

Gaspar de Jesus disse...

Olá amigo.
Parabéns por esta excelente participação na ultima Tertúlia.
Obrigado pela visita.
Abç
G.J.

disse...

Vim lhe trazer um terno abraço e ler mais pouquinho de suas lindas e ternas palavras. Seus poemas me encantam.
Bom e maravilhoso fim de semana!

Natasha Dias disse...

Olá Eduardo,
Primeiramente gostaria de agradecer sua vissita em meu blog, fique a vontade para visitá-lo sempre que desejar, ficarei muito feliz!
Parabéns pelo seu espaço um lugar cheio de emoções!
Uma pena eu ter conhecido você e seus trabalhos na última tertúlia, mas o importante é que nos conhecemos...
Desejo sucesso e muitas felicidades, estarei lhe acompanhando.
Tenha um fim de semana maravilhoso.

Vou de coletivo! disse...

Olá!
Aqui quem fala é o Murilo, dos blogs Palavras de Osho e Os nascimentos das palavras.
Assim como você e dezenas e dezenas de outros amigos blogueiros, eu participava das blogagens coletivas do Tertúlia Virtual, belíssimo projeto de promoção de blogagens coletivas que infelizmente chegou ao fim em julho de 2009.
Para mim, a inicitativa do Tertúlia foi responsável pela realização de muitas das melhores blogagens coletivas da blogosfera em língua portuguesa.
A idéia de a cada mês reunir blogueiros em torno de um tema foi tão bem-sucedida que não podemos deixá-la morrer.
Para colaborar, lancei o Vou de coletivo!
Todo dia primeiro do mês será proposto um tema para ser abordado por blogueiros por meio de textos, imagens, vídeos e o que mais a criatividade permitir.
Assim que o tema do mês é apresentado, é aberta uma lista de inscrições. Basta você inscrever sua postagem que automaticamente será inserido um link para ela na relação de participantes. As inscrições ficam abertas o mês todo.
E você, gostou da idéia? Espero que sim!
Então não vamos perder o embalo. Logo sai o primeiro coletivo de 2009! Clique aqui e acesse o Vou de coletivo!
Abração!

Regina d'Ávila disse...

Vamos vivendo e sonhando...
Cada dia um.
Adorei sua visitinha.
Esperando outra..certo?
Super beijossssssssss
Rê.

Lu Cavichioli disse...

Amigo Eduardo, vim ler sua tertúliae, diga-se de passagem fiquei encantada com esse texto, que exala perfumes.

Só tenho a lamentar que nossa tertúlia tenha se acabado, que pena! Eu cheguei a partcipar de três, ainda bem que deu tempo.

Obrigada por sua gentil visita em meu blog Retratos em Degradê e suas palavras incentivadoras.
Aguardo novas visitas.

abraços da Lu

Wania disse...

Oi, Eduardo.
Ainda estou visitando os amigos pela Tertúlia, mas tu chegaste antes no meu cantinho.
Vim retribuir a visita e ao chegar aqui, encontro este local tão bonito, tão poético!
É a Tertúlia, mesmo na sua última edição, aproximando amigos...
Linda tua poesia, bela homenagem à este belo convívio que ela proporcionou!
Gostei daqui, voltarei mais vezes!
Bjs e boa semana!

BANDEIRAS disse...

" Deixe-me ir preciso andar...vou por ai a procurar...rir prá não chorar...se alguém por mim perguntar...diga que eu só vou voltar...quando eu me encontrar. "

Amigo, tbm gostei muito de vir aqui, teu espaço é belo, poesias maravilhosas, se vc voltar ao meu cantinho ficarei feliz por demais !

Doce beijo.

Andreia disse...

Que poema lindo Eduardo! Viver a vida é uma arte para poucos. Todos temos a vida, mas a maioria não sabe vivê-la.
Sentirei imensa falta do Tertúlia, não consegui me inscrever, o link deu erro, fiquei triste. Fiz apenas uma pequena homenagem.
Beijosss querido....

Mateus Araujo disse...

Acredito na poesia. Acredito nas rosas. Tu és poeta camarada. Te acompanho pois ainda terei de ler-te muito. Parabéns
Abraçoooo

marie disse...

Obrigada pela rosa e pela visita ao meu cantinho.
Abraço

Sandra disse...

Tem um lindo presente te esperando em Curiosa e um lindo Jardim de Flores de Esperando no Blog Uma Interação de Amigos.
Passe lá. Ficarei muito Feliz com a sua chegada.
Com muito carinho
Sandra