sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Novo ou velho












Ano novo que despontas do breu
És recebido com luzes de mil cores
Doze badaladas dão o tom do céu
Para abrir bebidas de doces sabores



O champanhe jorra em cascatas
Bebido por sedentas e roucas gargantas
Ouvem-se cânticos ao som de latas
Em volta do lume até ás tantas



Chegas envolto em manto de neve
Aconchegado pelo gélido ar da noite
Ouves os desejos de quem nunca teve
Casa, agasalho ou lugar onde pernoite



Os ricos comemoram-te em belas salas
Comem, dançam e entoam canções
Os pobres esperam algumas migalhas
Pulam, sorriem e lançam balões


Nasces de noite e começas de dia
Vives doze meses intensos
Afagas os dias como uma melodia
Embalas os minutos imensos


És novo e não prestas vassalagem
Tens orgulho em ser diferente
Esqueces que serás uma miragem
No fim acabarás velho eternamente


7 comentários:

Claudia disse...

Ola eduardo,

Amei sua visitinha tão carinhosa. Obrigada por tudo, eu tambem lhe desejo tudo o que de melhor a vida possa lhe proporcionar. Linda a mesagem que voce deixou no seu post. FELIZ ANO NOVO, seja muito feliz !!!
beijos,
Claudia

Claudia disse...

cont.:

Ahh.. me esqueci de dizer. Sou do blog:
http://magicdream.zip.net

Mais beijos
Claudia

Vivian disse...

...olá menino!
muito gostoso saber que
'caístes' em meu chão,
e assim pude conhecer
esta casa de poesia.

que 2009 seja um ano
de múltiplas inspirações
felizes e poéticas a este
coração encantador.

muahhhh

vou te seguir...rss

Pico minha ilha disse...

Que o ano continue a sorrir.Abraço

Isa disse...

Aqui cheguei hoje,para o visitar.
Para lhe desejar e a todos os seus um Feliz 2009!
Atrasada? Ñ! Desejar o Bem às pessoas, de todo o coração,está sempre a tempo.
Abracinho.
isa.

SAM disse...

Lindo, Eduardo!Encantada com a visita que me abriu os portais dos seus belos e recheados espaços virtuais. Muito grata também pelas gentis palavras.

Um 2009 brilhante sob todos os aspectos!

Aqui estarei sempre que puder para me deliciar.Beijos!

Cöllyßry disse...

Olá Eduardo, estou de volta, e vim agradecer os votos que retribuo, com desejo que esta ano traga o que desejas...

Belo o poema de ano

Doce beijo


ölhår_Îñðîscrëtö...Å ¢µ®¡ö§¡dädë