sábado, 19 de dezembro de 2009

Mãe Natureza



Mãe natureza a quem muito amo
Que me servis de regaço e consolo
No teu seio me espraio languidamente
Das tuas entranhas eu clamo
Quando ruges com terror do solo
Mostrando o teu poder intensamente


No Mundo de uma selva densa me envolvo
Por caminhos desconhecidos viajo
Na procura do teu ser maravilhoso
Espaços em que o verde e o belo é o meu enlevo
E onde encontro desde a flor ao soajo
Em campos de intenso terroso

Por mares profundos me aventuro
Na procura daquilo que me fascina
A vida de outros seres diferentes
De um outro mundo com futuro
Que vai para além da minha sina
De servir interesses remanescentes

Oh bendita maravilha que és de todos
Tens biliões de filhos espalhados
Como tantos te amam, outros te odeiam
Tu que te renovas de todos os modos
Mesmo para os falsos e falhados
Que são tantos que te enxameiam

Tua bondade vai mais longe que o amor
Teus infindáveis encantos jamais perecerão
Tu que nos dás a água para saciar
O calor que aquece aqueles que têm tremor
A sombra para o sol ardente de verão
As idílicas paisagens para apreciar

Malditos aqueles que não te respeitam
Que se servem de ti sem repugnância
Em troca do vil metal espezinham direitos
Os direitos que todos os povos anseiam
Para ter uma vida em abundância
Que tu sempre concedeste aos eleitos

10 comentários:

Sonhadora disse...

Eduardo
Muito belo o seu poema...era bom que todos respeitassemos a mãe natureza, mas infelizmente não é assim.
Beijinhos

Tentativas Poemáticas disse...

Lindo o poema a revelar um verdadeiro e muito sensível POETA.
Nós, afinal, fazemos parte da Natureza!
E, hoje, quero reiterar a estima que tenho por si, pela Helena e pela sua pequerrucha Daniela.
Não tenho sido um visitante assíduo, amigo, por motivos que se prendem com a saúde do meu filho e daquela que se tornou a minha melhor companheira: a Isabel Monteverde (Artista Maldito), presa numa enfermaria em consequência duma doença grave.
Esta semana passei duas vezes por Fátima, lanchei lá, e é óbvio que me lembrei do amigo Eduardo, da Helena e da Carochinha.
Desejo que esteja tudo bem convosco e desejar-lhes um SANTO NATAL, com muita SAÚDE.
Um grande abraço deste que não vos esquece.
António

Mírian Mondon disse...

Eduardo,passei para desejar um 2010 de muitas alegrias e vitorias!

Parabens pelo belo poema de amor a natureza!

Aproveito para informar o novo endereço do Café:

http://cafe-pontocom.blogspot.com/

beijos e boas festas!

Confesso disse...

Lindo poema... ADOREI!

Passando para desejar-lhe um Feliz Natal e um Ano Novo repleto de grandes realizações.


Beijos confessos...

Olavo disse...

” A alma é invisível,
Um anjo é invisível,
O vento é invisível,
o pensamento é invisível, e,
no entanto, com delicadeza,
se pode enxergar a alma,
se pode adivinhar o anjo,
se pode sentir o vento,
se pode mudar o mundo com alguns pensamentos.”

Boas festas...

Olavo.

jose disse...

A alma poética está mais perto do divino.

Sugiro uma visitinha ao sítio:

http://www.escritartes.com/
Quem sabe vai gostar...

Um abraço

disse...

Querido Eduardo!

Feliz e santo Natal para ti!
com as bençãos do Senhor!
Beijos e beijos!

J. Araújo disse...

Esta é minha mensagem pra você:

O Natal é um dia festivo e espero que o seu olhar possa estar voltado para uma festa maior, a festa do nascimento de Cristo, ou naquilo que você acreditar dentro de seu coração.

Que neste Natal você e sua família sintam mais forte ainda o significado da palavra amor, que traga raios de luz que iluminem o seu caminho e transformem o seu coração a cada dia, fazendo que você viva sempre com muita felicidade.

ão estes os meus mais sinceros desejos.

O mar me encanta completamente... disse...

Hoje não vim comentar Edu, embora não tem como não faze-lo, sempre emocionante te ler...
Vim agradecer seu carinho, sua presença sempre tão benfazeja...
Sua amizade, que me é tão importante...
Que a virada do ano, não seja apenas mais uma data,
Mas um momento para repensarmos...
Abra seu coração para as alegrias do Novo Ano...
Tempo de compartilhar com a família, os amigos,
E estarmos com eles, o ano inteiro, a cada momento...
Que o abraço aconchegante e o sorriso sincero, seja constante.
Sonhe muito...
Os sonhos fazem o espírito renascer nos envolvendo com um laço
de esperança e renovando a força e a coragem para buscarmos
os nossos verdadeiros ideais...
No próximo ano, que os seus sonhos lhe sirvam de inspiração
para realizar e sentir que a vida é um presente de Deus.
Que todos os dias do Ano Novo sejam especiais para você!

Beijo
Glória Salles

Sandra disse...

Ola Amigo!

VENHO RAPIDINHO AGRADECER DE CORAÇÃO O IMENSO AMOR REGISTRADO NA CURIOSA.
LOGO VOLTAREI PARA CASA, E SERÁ BEM MAIS FÁCIL. AGORA FICA MEU ETERNO ABRAÇO DE FELIZ ANO NOVO A VOCÊ.
ESTOU COM MUITA SAUDADES.
DEUS LHE ABENÇÕE. FELIZ 2010. QUE TODOS OS SEUS SONHOS SE REALIZEM.
COM MUITO CARINHO
SANDRA